São Capturas todos os olhares …

Flores

PodEntrar `Depois da Chuva`

jung nadia

Se você vai acordar todas as manhãs com o pensamento de que hoje vai acontecer alguma coisa boa, que assim seja!


retrato feito a giz !

Tudo que sou, no imaginado
silêncio hostil que me rodeia,
é o epitáfio de um pecado
que foi gravado sobre a areia.

O mar levou toda a lembrança.
Agora sei que me detesto:
da minha vida de criança
guardo o prelúdio dum incesto.

O resto foi o que eu não quis:
perseguição, procura, enlace,
desse retrato feito a giz
pra que não mais eu me encontrasse.

Tu foste a noiva que não veio,
irmã somente prometida!
— O resto foi a quebra desse enleio.
O resto foi amor, na minha vida.

David Mourão-Ferreira


Aqui nada é eterno…

Olhes para onde olhares, no mundo tudo é vão!
O que hoje este constrói, um outro arrasará;
Onde hoje se erguem cidades, um prado nascerá
E nele um pastorinho e o gado saltarão.
O que hoje cresce viçoso, breve será pisado,
O que hoje tem vida e força será cinza letal;
Aqui nada é eterno, nem mármore nem metal,
Hoje a sorte sorri-te, amanhã cais prostrado.
Desfaz-se como um sonho a glória de altos feitos.
Vence o jogo do tempo, e os homens imperfeitos.
Ah, como é nada tudo o que quer valer mais,
Medíocre e mesquinho, sombra, vento e poeira,
Como uma flor do campo a que se perde a esteira!
Não se mostra o eterno aos olhos dos mortais!

Andreas Gryphius


Bom Fim de Semana!

Flores podem ser capturas. De fato não são as minhas capturas, mas elas estão “plantadas“ em momentos afetivos tão marcantes que faz todo sentido e “Por quê que não?“
Então fica esse macro, mostrando a exposição do interior dessa simpática orquídea.

Au revoir!!!


Contos Fotográficos!

Histórias contadas, na primeira pessoa!

Nadia Jung