São Capturas todos os olhares …

Homens

PodEntrar Frame de “Sobre saudade dos amigos”.

 

 

jung nadia

Anúncios

PodEntrar! Divida, maldito tempo…

nadia jung

 

 

Diariamente. Diariamente, acordo com a voracidade do tudo e durmo pensando em abandonar muito. Diariamente, busco celebrar o sofrimento que é a realidade e a beleza que é a sabedoria de vê-la. De vivê-la. E choro. E corro. E tento sorrir sabendo que a falta de tempo é como as dívidas que assumimos….

 

Fui.


“Preso no século“ – Por Nádia Jung

Nadia Jung

…e preso no olhar! Essas casas sempre irão de existir!
Centrão da paulicéia desvairada!


Cegueira!

CEGUEIRA s. f.
1. Estado da pessoa cega.
2. [Figurado] Extrema afeição por alguém ou alguma coisa.
3. Boa-fé.
4. Ignorância.
5. Desvairamento.
6. Alucinação.

Lição: como com uma cegueira é mesmo possível viver.

autus. nadia jung


No me pude reprimir

Nadia Jung.

Essa foto se refere ao episódio trágico em SM/RS

Acrescento uma baita homenagem, que me toca e me faz voltar as memórias…


Comer o Lixo e a Democracia!

nadia jung

Comer o lixo e a Democracia –

Revirar o lixo dos outros á procura de algo para matar a fome é uma prática recorrente e até banal em qualquer parte do mundo…Andamos assim há anos, com a situação a agravar-se e os políticos de pataqueira, os patetas alegres que querem chamar a atenção sobre si e sobre o que não fazem mas fingem, influenciam nos dizendo que vai melhorar que isto e aquilo, mas sinceramente gostava que um dia fossem eles fazer uma visita as ruas da Pauliceia de máquina em punho e depois me dissessem quantas Ruas conseguiram fotografar sem um mendigo a pedir, sem um desgraçado estendido no chão, ou uma criança a vender pensos rápidos…palavra que gostava…A democracia, que é, sem sombra de quaisquer dúvidas, a melhor maneira de governar os povos instruídos, falha em pormenores importantes , e depois o resultado é este…milhares de pessoas a comer o lixo e a democracia…para poder sobreviver!!!!!


A nossa gente!

Nadia Jung Fotojornalismo

“Sem abrigo aproveitam os restos de restos para sobreviver, se não olharmos bem parecem nos uma pessoa que simplesmente `mendiga` as ruas, e depois volta “a casa onde lhe espera um prato de comoda e uma familia, infelizmente não é o caso….para quem joga primeiro ou para quem ganha o jogo ainda existe opção!“

Da Série Meus Passos noturnos – Homens

Nádia Jung


A fotografia fala!

“A Fotografia não fala (forçosamente)daquilo que não é mais, mas apenas e com certeza daquilo que foi.”

Roland Barthes

FotoNadiaJung_Fotografia.familia 157


Imagem

A garota da rua!

SAOPAULOPORAI.NJUNG-074


Carlos Carega!

show - nadia jung

Na foto Carlos Carega, que dispensa qualquer, qualquer comentário!rs.

Adorável!!!


Orbita deslocada!

Voltando ao tema do terreno mais real da vida…
Homens.
Homens de rua.

Não são figuras excluidas e sim na distração de `deus`.

Como se eu acreditasse em Deus… mostro a distração de `deus`, pois ele deve estar dormindo, esse é o personagem da distração de deus.
Este ter que aguentar a ardência da existência.

Olhem para isso: parece que nao sabe da gravidade que é viver…
Um buraco…cinzento.
Uma órbita deslocada.

Nadia Jung Fotografia _ street.sp 294


Cotidiano!

… algumas mentes da “sociedade“ hoje estão totalmente forá do corpo.
Uma sociedade ligada ao virtualismo, e que moralmente nao gosta da vida, da dor e do corpo.
Ela só gosta do bem, da luz e do claro!

Juntando isso é muito triste! Por que o que faz? Faz com que as pessoas ao inves de usar a internet para viver melhor, usa para FUGIR da vida e CRIAR uma IMAGEM.

E, para complementar o tema que adoro, sem fugas da vida: o cotidiano.

retrato de ruas


Portraits da cidade!

Nadia Jung Fotografia Documental

Essa foto faz parte de uma série documental de cidadão brasileiro, fiz num dos parques da cidade:o Ibira da maldita querida Paulicéia!

Quero poder mostrar como encontramos este espaço tão emblemático, que é então parque do Ibirapuera que através dos homens que desgastados, sobrevivem ao tempo, ao cotidiano transmitindo as minhas imagens o que é notório e o que existe em seu redor!

Nadia Jung.


If “manners maketh man”

The notoriety …
Gentleness, sobriety are rare in this society!


Cozinha et Arte!

“Esta foto pode ser comentada de duas maneiras, conforme a estética do comentador. O purista, fedorentamente insensível escravo de regras diria que ha sobre-exposição, queimou a foto, a foto tem zonas sem pixels.

O apreciador de Arte, que segue seus instintos e nunca “vai por onde o mandam ir“, mas só pelo seu caminho, dirá, bela foto, em pouco diz tudo, exprime um estado de espirito, uma maneira de ser.Gosta. Muito.“

Eu, gosto muito.