São Capturas todos os olhares …

Série Frase Por Nadia Jung

PodEntrar: `Metade de mim, é a outra metade… de mim`

Autoportrairt Nadia jung
Nadia jungNadia jung
Nadia jung
Nadia jung


Sou!

Sou o que sabe não ser menos vão
Que o vão observador que frente ao mudo
Vidro do espelho segue o mais agudo
Reflexo ou o corpo do irmão.
Sou, tácitos amigos, o que sabe
Que a única vingança ou o perdão
É o esquecimento. Um deus quis dar então
Ao ódio humano essa curiosa chave.
Sou o que, apesar de tão ilustres modos
De errar, não decifrou o labirinto
Singular e plural, árduo e distinto,
Do tempo, que é de um só e é de todos.
Sou o que é ninguém, o que não foi a espada
Na guerra. Um esquecimento, um eco, um nada.

Jorge Luis Borges


Série Frases – Nádia Jung –

Em meio aos ideogramas japoneses rabiscados nas páginas da deliciosa ”Vida Simples” – uma bela frase …


”Casal da Frase” – Por Nádia Jung

Sem comentários!

Nádia Jung.


Série Frases – Nádia Jung

Em meio a uma campanha política nas rus de São Paulo, essa é Natalia!

São Paulo/BR


Frases que ‘andam’ todos os dias! Série Frases, Por Nádia Jung

Na avenida Paulista frases reafirmam o dia a dia.
Por Nadia Jung.